J.B.ROMANI

Eu colho as pedras do caminho como se fossem uvas e bebo a poeira como se fosse vinho.

Textos


MORRER É EXCELENTE!



Já se escreveu e se falou tanto sobre a morte e geralmente de maneira depreciativa. A morte é assustadora, terrível, um monstro invencível e que levará consigo todos os seus sonhos e realizações.
E assim fizeram com essa venerável senhora uma das maiores injustiças, visto que não levaram em consideração as grandes vantagens de se morrer.
Vamos a elas...
Morrendo a pessoa tem vantagens imediatas e duradouras.
Se for criança, livra-se dos pais, parentes, professores e uma porção de gente que tentará levar vantagens sobre ela, usando-a como fonte de renda e exploração, como modelo infantil,
trabalho na televisão, essas coisas.

Se for jovem, livra-se dos exames classificatórios de todos os tipos, da auto-afirmação, da procura por emprego, de fazer carreira e de ter uma família para carregar nas costas durante sua existência.
Se for adulto, aí sim as vantagens de se morrer são insuperáveis.
 
O adulto livra-se dos filhos, da mulher, da sogra, dos cunhados, vejam bem esse é só o primeiro ítem.
 
Livra-se do patrão, se for patrão livra-se dos empregados,
 
Livra-se dos políticos, da televisão, dos impostos.
 
Do trânsito, dos problemas pessoais, da internet, do celular.
 
Livra-se de todas as contas a pagar, de todas as dívidas.
 
Nunca mais enfrentará nenhum tipo de fila.
 
Nenhuma preocupação com roupa, comida e saúde.
 
Aqui sim a maior de todas as vantagens.
A saúde.
Nunca mais enxaqueca, dores lombares, alergias,
tratamentos sem garantia, remédios de efeitos
duvidosos e caríssimos planos ineficientes.
Com a morte tudo isso tem fim. E como fantasma
ainda se pode passear pelos lugares que te causaram decepção e sair de lá rindo das 
pessoas que ainda
estão  vivendo lá.
 
É ou não é só vantagens?
J B ROMANI
Enviado por J B ROMANI em 08/11/2009
Alterado em 11/02/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (J.B.ROMANI). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras